Jornal Nova Época O Jornal do seu tempo

loader
X

Fale Conosco:

Aguarde, enviando contato!
<<< VOLTAR
FAZENDO O BEM DESDE 2013
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp

FAZENDO O BEM DESDE 2013

Criada em 2013, a Associação Beneficente dos Amigos Solidários de Canela (Abasc) chega ao final de 2020 com quase 200 toneladas de doações distribuídas. Com 22 voluntárias, o grupo está sempre criando eventos, bazares e ações, para arrecadar verba para ajudar a comunidade canelense. Além das voluntárias, a Abasc conta com a contribuição de amigos, empresários, voluntários e instituições.
Atualmente, o grupo é presidido por Ana Maria Nunes e tem Ana Lídia Weber Bisol como vice-presidente. “A Abasc é uma grande corrente que abraçou a comunidade e que Canela abraçou de volta”, declara a vice-presidente, Ana Lídia.
Segundo Ana Nunes, o sucesso do trabalho realizado na Abasc é mérito das voluntárias e das empresas parceiras. “Os nossos amigos não medem esforços para contribuir com a associação. Dentre eles, os moradores do Laje de Pedra e do Reserva da Serra, que doam mantas, cobertores, objetos e também ajudam financeiramente. Dentre os nossos principais parceiros estão o Hortifruti Grison, a Fábrica da Daupper, a Biscoiteria Daupper, a Confrapet, a Agropet Noel, a Vidraçaria MaxiGlass, a Imobiliária Rossi, a Farmácia Líder, a Madeireira Parisotto, a Farmácia Poções, o Hotel Laje de Pedra e o Mercado Skinão”, declara.
A organização foi inicialmente desenvolvida para ajudar o Hospital de Caridade de Canela. Um dos maiores feitos da entidade foi a reforma da pediatria e a compra de um transformador. Atualmente, as voluntárias mantêm um brechó fixo nas dependências hospitalares, que abre todas as segundas-feiras “Acontece de algumas pessoas serem internadas e muitas vezes não terem o que vestir, com o brechó, podemos doar as peças”, diz Ana Nunes.
Conforme Ana, a entidade ainda promove todos os anos a tradicional Ceia de Natal e a Ceia de Ano Novo para os funcionários do hospital.

NUNCA PERDER A ESPERANÇA

Durante a pandemia de covid19, a Abasc foi a responsável por liderar um projeto de arrecadação de alimentos que deve superar a marca de 200 toneladas de mantimentos, para doar a instituições de caridade, famílias necessitadas e ao Hospital de Canela.
Ana Nunes comenta a dificuldade de continuar com os projetos nesse período atípico de pandemia “Foi preciso pensar em outras maneiras de manter a Abasc. Não pudemos realizar nossos eventos. Então, o auxílio dos nossos parceiros foi essencial”, declara.
“O ano foi muito triste, mas nunca perdi a esperança. Não parei de trabalhar porque sei que tem pessoas que perderam o emprego, não estavam conseguindo suprir suas necessidades básicas e precisam muito da nossa ajuda e da nossa solidariedade”, completa Ana Nunes.
“O nosso objetivo é ajudar a comunidade. Buscamos ajudar a todos que precisam. Se a família precisa de gás, de colchão, de medicamentos, de alimentos, de roupas, nós vamos atrás”, reitera.
A presidente falou sobre a responsabilidade de ajudar e de entender a necessidade de cada indivíduo. “Conheço muitas histórias comoventes que me emocionam muito. Pessoas que passam por muitas dificuldades e que precisam de ajuda. Se a pessoa precisa de alimentos especiais, sem glúten e sem lactose, por exemplo, compramos e doamos”, diz.
A Abasc ainda colabora com outros projetos sociais da cidade. “É importante que possamos colaborar com outras ações. Ajudamos o Davenir Melo, com o Natal das Crianças, contribuímos com as iniciativas do Rotary, da Amigo Bicho, da Liga de Combate ao Câncer, do Lions e também com o projeto Esperança e Paz”, declara Ana Nunes.

FAZENDO O BEM DESDE 2013

ABASC está atendendo na rua Felisberto Soares com o Bazar de Fim de Ano

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp

Olá, deixe seu comentário para FAZENDO O BEM DESDE 2013

Enviando Comentário Fechar :/

Últimas Notícias

Matérias de Capa

PUBLICIDADE Jornal Nova Época