Jornal Nova Época O Jornal do seu tempo

loader
X

Fale Conosco:

Aguarde, enviando contato!
<<< VOLTAR
COMPRE NO COMÉRCIO LOCAL  E AJUDE A ECONOMIA A GIRAR
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp

COMPRE NO COMÉRCIO LOCAL E AJUDE A ECONOMIA A GIRAR

Em tempos de pandemia coronavírus, onde está sendo necessária a união de esforços de todos, consumir produtos no comércio local é uma maneira de estimular a economia da cidade e manter as portas abertas dos pequenos e médios negócios. Pensando nisso, a Associação Comercial e Industrial de Canela (ACIC) criou e propaga nas redes sociais a campanha #moroaquicomproaqui. O objetivo é incentivar o canelense a valorizar lojas, padarias, mercados e outros segmentos locais. “Nossa campanha foi desenvolvida justamente para ajudar os pequenos, ajudar a economia local, para que possamos manter a economia girando”, explica o presidente da entidade, Ronaldo de Paula. “E, comprando do mercadinho do bairro, no bazar da vizinha, na lojinha do amigo, fazemos com que eles sigam ainda com seus negócios funcionando”, acrescentou. Ronaldo destaca que a mobilização da Associação Comercial foi bem aceita pelos consumidores e vendedores. “As pessoas estão compartilhando e aderindo a ela. Essa campanha não é exclusivamente da ACIC e sim da cidade como um todo. Quem quiser participar, pode ficar bem à vontade”, comenta. Adesivos poderão ser criados para deixar ainda mais evidente o apelo da campanha no varejo. Por ser uma entidade de classe com grande representatividade, reunindo cerca de 220 associados, a ACIC vem trabalhando para contribuir com o poder público e com os seus associados em geral buscando alternativas e soluções menos dolorosas para todos. “Não é fácil, tomar decisões em um momento como esse, mas estamos todos os dias nos atualizando e prestando suporte para os associados”, afirma Ronaldo.
O dirigente ressalta que o comércio e as indústrias vêm amargando déficits de caixa por conta das restrições preventivas à infecção por Covid-19. “Os prejuízos causados pela pandemia são incalculáveis, tanto financeiramente como psicologicamente. Acredito que nunca saberemos. Será uma nova era, um novo momento, uma nova Canela”, conclui. A ACIC acredita que, neste período de pandemia, o uso de máscara por parte da população deve ser obrigatório, como mais uma medida para diminuir as chances de Canela entrar para a estatística de cidades com casos de coronavírus.
DIA DAS MÃES
Mesmo com a abertura do comércio em geral e a campanha #moroaquicomproaqui repercutindo nas redes sociais, as vendas estão tímidas. Promoções fora de época foram criadas, mas não há procura. “Não estamos vendendo bem. Acredito que poucos do varejo estão vendendo bem diante das restrições. Está bem difícil”, conta o empresário Antônio Mulazzani, do Piva Magazine. Para o Dia das Mães, o lojista destaca que algumas vantagens que anteriormente não eram concedidas, serão oferecidas ao cliente, como o bom e velho desconto. “É uma época atípica. Estamos vivendo um momento que nunca vivemos antes. Está todo mundo tentando encontrar uma alternativa para superar isso da melhor maneira possível”, diz Mulazzani.

COMPRE NO COMÉRCIO LOCAL  E AJUDE A ECONOMIA a GIRAR

Campanha incentiva compras no comércio local

TURISMO É A ESPERANÇA PARA o SEGUNDO SEMESTRE

Como um dos caminhos a ser seguidos para recuperar a economia, a Secretaria de Turismo e Cultura reformulou o calendário de eventos de Canela. De 28 de agosto até 31 de janeiro de 2021, estão programadas mais de 400 atrações, sendo todas gratuitas. “Elaboramos um novo calendário em função da pandemia. Canela seguirá sendo um palco a céu aberto e a sua economia voltará a pulsar mais forte depois dessa crise. Estamos trabalhando para isso, redirecionando eventos e criando novas atividades”, ressalta o secretário de Turismo, Ângelo Sanches.
Conforme a diretora de Projetos e Eventos da Secretaria de Turismo, Camila Pavanatti, a otimização do calendário de eventos contempla a criação da Primavera em Canela. “Será o guarda-chuva dos nossos eventos. Teremos diversas atrações dentro da Primavera em Canela, conforme previsto em nosso plano estratégico”, afirma. Entre as atrações, Camila cita o FestCan e a Caravana Cultural, que estão previstos para setembro. O Sonho de Natal também terá maior duração. Em sua 33ª edição, começa em 10 de outubro e vai até 31 de janeiro de 2021. Serão aproximadamente 280 apresentações em 114 dias de programação. Além de buscar movimentar a economia turística, a ampliação para janeiro foi motivada pelo representativo fluxo de visitantes registrado em janeiro de 2020.

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp

Olá, deixe seu comentário para COMPRE NO COMÉRCIO LOCAL E AJUDE A ECONOMIA A GIRAR

Enviando Comentário Fechar :/

Últimas Notícias

Matérias de Capa

PUBLICIDADE Jornal Nova Época