Jornal Nova Época O Jornal do seu tempo

loader
X

Fale Conosco:

Aguarde, enviando contato!
<<< VOLTAR
O PALCO DA TERRA MÁGICA
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp

O PALCO DA TERRA MÁGICA

O PALCO DA TERRA MÁGICA

Desacostumados que ficamos, depois de dois anos, com espetáculos com plateias, como é bom ver em Canela um teatro cheio. Não me refiro ao Teatrão, a Casa de Pedra está vetada... falo do (não tão) pequeno teatro de arena que a direção da Terra Mágica implantou naquele parque. Ponto para o pessoal da Florybal. É mais um espaço para a arte, hoje canalizado para pocket shows com a trupe da casa.
A empresa, que surgiu para fabricar chocolate, quando ampliou as atividades também para o lazer e a diversão, não só começou a oportunizar mercado de trabalho para artistas que exerciam a função como também iniciou a prospecção de talentos dentre seus próprios colaboradores na fábrica e nas lojas. Mais um ponto para quem proporciona renda e visibilidade para dezenas de artistas
Em uma segunda-feira de parque lotado, fomos assistir à apresentação de Meu primeiro inverno (foto ao lado). Curta e magnetizante, a apresentação, com direção geral de Felipe Araújo, coreografia de Rodrigo Pacheco e texto de Lisi Berti soma movimento, dramaturgia, as boas condições técnicas do lugar e a qualidade dos nove performers de Canela e outras procedências.


Foto: Rafael Cavalli

 

PROFESSOR E ALUNO

o canelense Rodrigo Pacheco é um bailarino e acrobata aéreo que enriquece a cena de Canela e da região. Aos 26 anos, conta com 14 de experiência, pois aos 12 fjá era aprendiz no projeto social Academia de Arte e Cultura do Centro Padre Franco, orgulho do bairro Santa Marta. Passou pelas mãos de boas mestras, como Carolina Parmegiani, Lisi Urbani e Neusa Martinotto. Atuou por 14 anos no Natal Luz, onde entrou através do Programa de Artes. Multiatarefado, Rodrigo dá aulas de dança, investiu em cursos em Sampa e já tem prêmios na prateleira, como os obtidos representando a Academia Andanças, de Rita Candemil (Taquara).
Durante a pandemia, com a arte no pause, se virou nos 20 (meses) para sobreviver. Contratado pela Florybal em fevereiro de 2021, Rodrigo criou as coreografias da Terra Mágica.
Bom filho que à casa volta para retribuir aprendizado, Rodrigo ensina o caminho da arte para muitos no Centro Padre Franco. Tiago Alencar dos Santos é um deles. Começou ainda criança, aos oito anos e permaneceu lá até os dezoito. Acrobata de solo e aéreo, ensina saltos mortais para quem quer sair do chão. Tiago também é professor de capoeira no Grupo Liberdade.


Rodrigo Pacheco


Tiago Alencar


DE KOMBI NO MUNDO - IV

Casal de kombilovers de Santa Catarina, Rosane e Rodnei Bett estão praticamente estreando a sua morada na estrada. Depois de dois anos de preparação do veículo ano 98, estão empreendendo uma jornada inicial que será, a princípio, de dois meses pelo Sul do Brasil. Saíram de sua terra, Porto União, quase divisa SC - Paraná e estão conhecendo bastante do Rio Grande. De Canela e Gramado partiram para os canyons. Depois dessa, está prevista uma expedição ao frio da América, visitando o Sul da Argentina e Chile. Acompanhe mais da jornada deles no Instagram @desbravatur_mh

 

SERÁ QUE EMPLACAM?


À venda nos artesanatos, tem de um tudo.

 

RETRATOS DE CANELA

QUANTOS TELHADOS DE CANELA TÊM ALGEROSAS DO CARLÃO?

Funileiro na tradicional acepção da palavra, Luiz Carlos Drechsler herdou o ofício do pai, também seguido por dois de seus irmãos. Trabalha o zinco (hoje aluzinco) desde os 13 anos e já diminuiu o ritmo. A merecida aposentadoria total virá bem a calhar.

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp

Olá, deixe seu comentário para O PALCO DA TERRA MÁGICA

Enviando Comentário Fechar :/

PUBLICIDADE Jornal Nova Época