Jornal Nova Época O Jornal do seu tempo

loader
X

Fale Conosco:

Aguarde, enviando contato!
<<< VOLTAR
Rota panorâmica começa a sair do papel
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp

Rota panorâmica começa a sair do papel

Um antigo projeto que possibilitará a implantação de novos atrativos turísticos e será uma opção para desafogar o trânsito de veículos está saindo do papel. Idealizada pelo prefeito Constantino Orsolin (MDB) na sua primeira gestão em 2009, a Rota Panorâmica começou a ganhar forma. Após recente assinatura do Termo de Início de Obras, os trabalhos de pavimentação dos 7,5 quilômetros que ligam Canela a Três Coroas pelo interior estão sendo executados.
Para Orsolin, o começo e posterior conclusão da estrada é considerado como a realização de um sonho enquanto gestor público. A via que inicia no bairro Eugênio Ferreira (Cemitério), passa pelas localidades de São João, Canastra Baixa, Passo do Louro e termina em Três Coroas deverá se tornar um marco na mobilidade urbana e fomento a novos atrativos turísticos. “O homem tem que sonhar e lutar pelos seus sonhos para transformá-los em realidade”, comenta o prefeito.
Na prática, a Rota Panorâmica será uma importante alternativa para acesso e tráfego de carros entre a Região das Hortênsias, Vale do Paranhana e Região Metropolitana.
A empresa vencedora do processo licitatório para asfaltamento do trecho terá até dez meses para concluir a implantação de lama asfáltica na via. Serão aplicados R$ 10.995.000,29 nas obras, sendo R$ 6.598.037,27 na aquisição de material e R$ 4.397.107,02 referente a mão de obra. O recurso foi conquistado por meio de uma operação de crédito com a Caixa Econômica Federal.
Em 2012, o prefeito e alguns vereadores conseguiram captar em Brasília R$ 22 milhões para asfaltar toda a estrada, incluindo o percurso de Três Coroas. Após perder as eleições em outubro de 2012, a administração municipal que o sucedeu não concretizou o projeto e o dinheiro acabou sendo perdido. Nesta mesma época, Orsolin lembra que já tinha pavimentado um quilometro da via e deixou recursos para o seu sucessor, Cléo Port, pavimentar mais uma parte da estrada. “Felizmente as obras já estão acontecendo no nosso lado e Três Coroas tem um planejamento aprovado para buscar recursos”, ressalta Orsolin. “O certo é que a Rota Panorâmica vai modificar o eixo do turismo na região, porque está se criando uma grande opção para o nosso visitante acessar ou deixar a nossa região”, destaca Orsolin.

“ONDE O ASFALTO PASSA, O PROGRESSO VEM ATRÁS”

O prefeito acredita que melhorias em infraestrutura como pavimentação facilitam o desenvolvimento e atração de novos atrativos turísticos. “A Rota Panorâmica vai ser uma nova opção turística. Eu imagino que vários investimentos devem ocorrer neste trajeto. “Onde o asfalto passa, o progresso vem atrás”, diz Orsolin. “Quero saudar principalmente os empresários de Canela e a Câmara de Vereadores, que lá em 2010 quando a gente começou essa ideia já tinha sido parceira. Houve uma construção coletiva. O trade turístico também sempre se mostrou de acordo e atuante no projeto. O certo é que hoje, a Rota Panorâmica é um fato. Turismo sem infraestrutura não vai muito longe”, afirma Orsolin.“Hoje, a Rota Panorâmica é mais importante do que o aeroporto. Até aqui é a obra mais importante em razão da nossa economia”, acrescenta o prefeito.
“Solicitamos aos moradores da região cautela ao transitar pela via, pois transtornos acontecerão, mas será por um beneficio ainda maior”, destacou a engenheira Vera Madeira, fiscal da obra, junto com Dany de Souza Ribas e o fiscal administrativo
Bruno Zinke.
O secretário de Obras, Luiz Cláudio da Silva, destacou que teremos um novo corredor de desenvolvimento para a região, que ajudará também no escoamento da produção agrícola. “Fica nosso agradecimento a todos que ajudaram para chegarmos a esse momento”, declarou ele, durante uma live para a assinatura do Termo de Início das Obras.

Rota panorâmica começa a sair do papel

TRÊS COROAS TAMBÉM VAI PEDIR EMPRÉSTIMO

O prefeito de Três Coroas, Alcindo Azevedo, destaca que os estudos e o projeto estão concluídos e agora a prefeitura de Três Coroas inicia as negociações em busca de linhas de crédito para viabilizar a obra. “É uma grande conquista para os dois municípios. Essa estrada pavimentada vai unir ainda mais as regiões do Paranhana e Hortênsias, possibilitando uma nova rota para o turismo repleta de belezas naturais”, comentou.

Rota panorâmica começa a sair do papel

PREFEITOS de Canela e Três Coroas celebram início das obras

 

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp

Olá, deixe seu comentário para Rota panorâmica começa a sair do papel

Enviando Comentário Fechar :/

Últimas Notícias

Matérias de Capa

PUBLICIDADE Jornal Nova Época